Qual a melhor opção: Sociedade Limitada Unipessoal ou EIRELI?

Qual a melhor opção: Sociedade Limitada Unipessoal ou EIRELI?

A criação da modalidade de Empresa Individual de Responsabilidade Limitada – EIRELI pela Lei 12.441, em 2011, foi um importante avanço para a época, pois trouxe a possibilidade do empreendedor abrir seu negócio sozinho e não colocar em risco o patrimônio pessoal. 

Ano passado, a Lei 13.871, mais conhecida como a “Lei da Liberdade Econômica”, criou um novo tipo societário, a Sociedade Limitada Unipessoal, com características semelhantes à EIRELI, mas com novidades que merecem atenção.

Primeiro, vamos às semelhanças.

As principais vantagens de escolher essas modalidades empresariais são:

1. Você terá seu patrimônio pessoal protegido

A constituição de uma personalidade jurídica com responsabilidade limitada, significa que em caso de dívidas contraídas durante as atividades empresariais, somente o patrimônio da Empresa será utilizado para quitá-las.

2. Não precisa de sócio

É muito difícil encontrar um sócio disposto a abrir uma empresa e ser compatível com todas as suas exigências. Então, caso não queira abrir mão das suas individualidades ou qualquer outro motivo, você pode ser o único dono do negócio.

Mas afinal, o que diferencia a Sociedade Limitada Unipessoal da EIRELI?

Apesar de serem boas opções, exatamente o que as diferencia faz com que a Sociedade Limitada Unipessoal ocupe o primeiro lugar no podium no quesito “facilitar o empreendedorismo”.

Isso porque, essa não possui as limitações existentes para a constituição da EIRELI, quais sejam:

Exigência de capital social de, no mínimo, 100 (cem) salários mínimos, que deverá ser totalmente integralizado no momento da constituição;

Restrição para as pessoas físicas serem titulares de apenas uma EIRELI.

Claro, para algumas pessoas essas limitações são decisivas para a constituição da empresa, principalmente pela obrigação de existir um capital social mínimo.

Mas, caso não seja o seu caso, você deve analisar mais profundamente e escolher a modalidade que mais atenderá as necessidades do seu negócio.

Após escolhido o tipo empresarial, o próximo passo é começar os procedimentos para regularizar a empresa, seja ela EIRELI ou Unipessoal. 

Para isso, primeiro, você precisa fazer o registro na Junta Comercial do estado em que será exercido as atividades empresariais, apresentando, além de outros documentos, o ato constitutivo da Sociedade.

O ato constitutivo é fundamental para a abertura da empresa, por isso não esqueça de mencionar:

Nome empresarial;

Sede social e a possibilidade de existirem novas filiais;

Objeto social (em caso de denominação empresarial);

Prazo de duração das atividades;

Capital social;

Cessão de quotas;

Administração;

Balanço patrimonial.

Então, depois de ler nosso post, você conseguiu se decidir qual tipo societário é melhor para o seu negócio?

Nós sabemos que uma empresa exige muito e estamos sempre aqui para te auxiliar. Então, é claro que não ficaremos fora do seu nascimento.

Acesse: http://juddi.com.vc!

É só preencher o modelo que preparamos para constituir sua EIRELI ou Sociedade Limitada Unipessoal de acordo com suas especificidades e pronto! O primeiro passo será dado de forma rápida e segura.

Diéferson Bandinelli

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: